BB não teme fuga de recursos da poupança

04/05/2012 15:22

 

"É uma aplicação popular e vai continuar sendo a preferida da população", afirmou o vice-presidente de Negócios de Varejo do Banco do Brasil, Alexandre Corrêa Abreu

Altamiro Silva Júnior, da

Agência do Banco do Brasil

Abreu acredita também que a decisão abre espaço para novas reduções nos juros dos empréstimos

São Paulo - A mudança na rentabilidade da poupança decidida nesta quinta-feira pelo governo não deve provocar uma fuga de recursos das aplicações da caderneta, na avaliação do Banco do Brasil. "É uma aplicação popular e vai continuar sendo a preferida da população", afirmou o vice-presidente de Negócios de Varejo do Banco do Brasil, Alexandre Corrêa Abreu. A instituição tem R$ 100 bilhões em depósitos na poupança.

Abreu acredita também que a decisão abre espaço para novas reduções nos juros dos empréstimos, "Foi uma mudança histórica, se tirou uma barreira para a queda dos juros básicos", disse o executivo em entrevista à imprensa. Ao se permitir novos cortes na Selic, Abreu avalia que a taxa dos empréstimos para o tomador final também pode cair mais. "Devemos ter a Selic convergindo para padrões internacionais", afirmou.

 

 

Últimas Notícias

Hypermarcas formaliza compra da York por R$95 milhões

17/09/2010 16:45
A companhia passará a deter pouco mais de 99 por cento do capital da York, fabricante e distribuidora de hastes flexíveis, curativos, absorventes e algodões Exame/Arquivo Hypermarcas pagou 95 milhões de reais pela York São Paulo - A Hypermarcas formalizou na...

JBS Friboi pode desistir de associação na Itália

17/09/2010 16:41
JBS revelou agravamento das relações com grupo italiano Cremonini e afirmou que não há mais condições de manter a sociedade   Arquivo Gado do JBS: joint venture com italianos será rompida São Paulo - O presidente do conselho de administração da Inalca JBS, Marco...

Sinopec e CNOOC podem fazer oferta de US$7 bilhões pela OGX

11/09/2010 14:38
Empresa de Eike Batista pode vender participações em blocos petrolíferos após descobertas de hidrocarbonetos Reuters  HONG KONG - A chinesas Sinopec Group e CNOOC estão fazendo ofertas por participações em ativos detidos pela OGX, empresa petrolífera iniciante do empresário...
<< 56 | 57 | 58 | 59 | 60