BCs anunciam ação coordenada para aumentar liquidez dos mercados

30/11/2011 11:31

Canadá, Inglaterra, Japão, BCE, EUA e Suíça tentam mitigar os efeitos da falta de crédito para empresas e pessoas para


Gustavo Kahil, de

Daniel Roland/AFP

União Europeia

"O propósito dessas ações é aliviar as tensões nos mercados financeiros e assim mitigar os efeitos na oferta de crédito", diz o comunicado

São Paulo – Os Bancos Centrais mais influentes do mundo anunciaram nesta quarta-feira uma ação coordenada para aumentar a capacidade de prover liquidez para o sistema financeiro global.

“O propósito dessas ações é aliviar as tensões nos mercados financeiros e assim mitigar os efeitos na oferta de crédito para as famílias e as empresas para ajudar a promover a atividade econômica”, mostra o comunicado assinado em conjunto pelos BCs do Canadá, Inglaterra, Japão, União Europeia, EUA e Suíça.

A medida irá reduzir a taxa da linha de swap (troca) de moedas entre os países em 50 pontos-base. O novo valor agora será a taxa do mercado interbancário em dólar (OIS) mais 50 pontos-base. A taxa estava em 100 pontos-base.

O novo preço será aplicado nas operações conduzidas a partir de 5 de dezembro.

“As instituições financeiras americanas não enfrentam dificuldades em obter liquidez nos mercados de curto prazo. Entretanto, caso as condições se deteriorem, o Federal Reserve tem uma gama de ferramentas disponíveis para proporcionar um respaldo de liquidez eficaz e está preparado a usá-las como necessárias para dar suporte à estabilidade financeira e para promover a extensão do crédito para as famílias e empresas americanas”, disse o BC americano em uma nota.