Eletrobras cita interesse de Cemig e EDF em Sinop

03/09/2013 22:01

Companhias estariam interessadas em participar do consórcio vencedor da usina de Sinop, no Mato Grosso

Mônica Ciarelli, do

Adriano Machado/Bloomberg

Linhas de transmissão da Eletrobras em Foz do Iguaçu, Paraná

Linhas de transmissão: além da Eletrobras com 49%, o consórcio da usina de Sinop é formado pela Alupar (51%)

Rio - O presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, revelou que a Cemig e a francesa EDF estão interessadas em participar do consórcio vencedor da usina de Sinop, no Mato Grosso. Além da Eletrobras com 49%, o consórcio é formado pela Alupar (51%).

O destino da atual sócia ainda está indefinido, mas Carvalho Neto garante que a companhia permanece no consórcio até a assinatura do contrato de concessão, que deve acontecer, segundo ele, em dois ou três meses.

"Pode ser que ela fique depois. Mas vamos fazer a usina de qualquer maneira", garantiu o presidente da Eletrobras, ao afirmar que o grupo, por meio da Chesf e da Eletronorte, tem muita experiência na região. A Sinop foi a única usina de grande porte vendida no último leilão de A-5, realizado em agosto.