Hypermarcas tem prejuízo de R$ 190,5 mi no terceiro trimestre

07/11/2011 10:46

Empresa reverteu lucro líquido de R$ 78 milhões no mesmo período de 2010


Luana Pavani, da

Lia Lubambo

produtos da hypermarcas

A Hypermarcas anunciou hoje também em comunicado redução do guidance para Ebitda no ano, agora em R$ 700 milhões

São Paulo - A Hypermarcas, empresa que reúne marcas de bens de consumo e medicamentos, anunciou hoje prejuízo no terceiro trimestre de 2011, de R$ 190,5 milhões, revertendo lucro líquido de R$ 78 milhões no mesmo período de 2010.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortizações) caiu 24,4%, de R$ 182,5 milhões para R$ 138,0 milhões no atual período. O cálculo ocorre antes das despesas não recorrentes (tais como venda de ativos e reestruturações operacionais) de R$ 54,7 milhões e de outras despesas não caixa (amortização do custo dos programas de opção de compra de ações aos executivos e ajuste de mais valia nos estoques das empresas adquiridas) no valor de R$ 11,5 milhões, como explica a empresa, em relatório de resultados. A margem Ebitda passou de 22,2% para 15,2% na mesma comparação.

Já a receita líquida apresentou crescimento de 10,4%, alcançando R$ 908,0 milhões no terceiro trimestre, ante R$ 822,8 milhões em igual intervalo do ano passado.

O resultado financeiro líquido ficou negativo em R$ 331,8 milhões, 1.244% maior que as despesas financeiras líquidas de R$ 24,7 milhões do terceiro trimestre de 2010.

A Hypermarcas anunciou hoje também em comunicado redução do guidance para Ebitda no ano, agora em R$ 700 milhões. Inicialmente, a estimativa era de R$ 1 bilhão, que em agosto foi rebaixada para R$ 900 milhões.