JBS Foods adquire ativos da Céu Azul por R$ 246 milhões

14/07/2014 21:23

Acordo envolve a aquisição de duas unidades de processamento de aves da Céu Azul

Fátima Laranjeira, do

Gilberto Tadday/EXAME

Fábrica da JBS nos Estados Unidos

Fábrica da JBS nos Estados Unidos

São Paulo - A JBS Foods celebrou um memorando de entendimentos vinculante com a Céu Azul Alimentos envolvendo a aquisição de duas unidades de processamento de aves, incluindo duas fábricas de ração e três incubatórios, localizadas em Guapiaçu e Itapetininga, ambas no Estado de São Paulo.

As unidades têm capacidade de abate conjunta de 330 mil aves por dia, e estão habilitadas para os principais mercados de exportação, segundo a JBS. O preço total a ser pago ao Grupo Céu Azul será de aproximadamente R$ 246 milhões.

CLIQUE AQUI E TESTE SUA PLATAFORMA DE NEGOCIAÇÃO GRÁTIS.

"Essa aquisição representa um importante passo na estratégia da JBS Foods de aumentar sua presença nos principais mercados internacionais importadores de aves, além de fortalecer a posição da companhia no principal mercado consumidor brasileiro", informou a JBS em fato relevante.

O memorando, que foi celebrado por meio da Seara Alimentos, está sujeito a determinadas condições suspensivas, como a aprovação pelas autoridades, incluindo o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade)

O Grupo Céu Azul foi fundado em 1974 na cidade de Pereiras, São Paulo. Seu principal ramo de negócio é a criação, abate e comercialização de aves através de marcas reconhecidas no mercado, como Céu Azul.

Segundo a JBS, suas unidades estão localizadas no interior do Estado de São Paulo e possui um processo totalmente verticalizado.