Marfrig registra prejuízo de 91,0 milhões de reais

15/08/2011 12:57

No mesmo trimestre de 2010 a empresa havia obtido lucro líquido de 103,8 milhões de reais

DIVULGACAO

Marfrig compra Keystone Foods por R$ 2,3 bilhões

Marfrig: empresa destacou os altos preços de insumos (principalmente grãos e gado) e a apreciação do real frente ao dólar

São Paulo - A Marfrig encerrou o segundo trimestre de 2011 com prejuízo liquido de 91,0 milhões de reais - comparado a um lucro líquido de 103,8 milhões de reais no mesmo trimestre de 2010. No primeiro trimestre desse ano, a empresa também havia registrado lucro, de 23,5 milhões de reais.


A Marfrig classificou o cenário global como “desafiador” em seu balanço, em decorrência dos altos preços de insumos (principalmente grãos e gado) e da apreciação de 2,1% do Real médio em comparação ao dólar médio no período.

“O atingimento de ganhos por sinergias na Seara e desempenho da Keystone Foods, Europa e Bovinos Brasil  parcialmente compensaram  as pressões de câmbio e matéria-prima sofridas pelo setor”, informou a empresa, em seu balanço. 

O fluxo de caixa das operações foi positivo em 109,4 milhões de reais. O ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de 277,8 milhões de reais -  9,7% acima dos 253,2 milhões atingidos no segundo trimestre de 2010. 

A margem ebitda foi de 5,2%, 190pb abaixo do segundo trimestre de 2010. A empresa atribuiu esse resultado ao aumento dos preços de matérias-prima, à apreciação do real frente ao dólar norte-americano no período, aos aumentos com mão de obra e à pressão inflacionária nos países onde opera. A receita líquida totalizou 5,32 bilhões de reais - 49,6% acima dos 3,56 bilhões de reais do segundo trimestre de 2010. 

As exportações de bovinos atingiram 23,7% do total de exportações brasileiras no segundo trimestre, ante 15,7% no mesmo período de 2010.  A exportação de aves atingiu 23,1% do total exportado pelo Brasil no período, contra 19,9% no mesmo trimestre de 2010.