Moody´s pode rebaixar ratings de dívida do Bradesco e Itaú

28/11/2012 10:27

 

Brasil Econômico   (redacao@brasileconomico.com.br)
28/11/12 10:13

A Moody´s avalia que as futuras resoluções bancárias podem reduzir a previsibilidade do suporte fornecido aos detentores de dívidas subordinadas

A Moody´s avalia que as futuras resoluções bancárias podem reduzir a previsibilidade do suporte fornecido aos detentores de dívidas subordinadas

Agência de classificação de risco colocou em revisão, para possível rebaixamento, as notas atribuídas às dívidas subordinadas das instituições brasileiras.

A Moody´s colocou em revisão, para possível rebaixamento, os ratings atribuídos às dívidas subordinadas emitidas pelo Banco Bradesco S.A. Grand Cayman Branch, e pelo Itaú Unibanco Holding S.A.

"As ações refletem a opinião da Moody's de que a tendência global para perdas impostas aos credores juniores no contexto de futuras resoluções bancárias pode reduzir a previsibilidade desse suporte fornecido aos detentores de dívida subordinada, visto que as obrigações junior têm como objetivo absorver perdas antes que os credores senior e depositantes sejam impactados", diz o comunicado da agência de classificação de risco.