Petrobras comprova descoberta na bacia Potiguar

12/03/2014 20:00

Segundo a estatal, foi realizado teste de formação que confirmou as boas condições de permeabilidade e porosidade do reservatório em águas profundas

Wilton Junior/Agência Estado

Operários da Petrobras

Plataforma da Petrobras: companhia é a operadora da concessão BM-POT-17, com 80% de participação, em consórcio com a Petrogal Brasil, que detém 20%

 

São Paulo - A Petrobras concluiu a perfuração de um poço em águas profundas da Bacia Potiguar, chamado Pitu, a 1.731 metros de profundidade e a 55 km da costa do Rio Grande do Norte, onde comprovou a descoberta de óleo médio.

A Petrobras é a operadora da concessão BM-POT-17, com 80 por cento de participação, em consórcio com a Petrogal Brasil, que detém 20 por cento.

Segundo a estatal, foi realizado teste de formação que confirmou as boas condições de permeabilidade e porosidade do reservatório.

A partir destes resultados, o consórcio deverá propor à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) um plano de avaliação de descoberta.

CLIQUE AQUI E TESTE SUA PLATAFORMA DE NEGOCIAÇÃO GRÁTIS.

A empresa informou ainda que em decorrência do processo de "farm-out", venda de participação, a BP Energy do Brasil se tornará concessionária e as participações no poço ficarão da seguinte forma: Petrobras, como operadora com 40 por cento, enquanto a BP Energy do Brasil terá 40 por cento e a Petrogal Brasil 20 por cento.