Petrobras revela 2 descobertas de indícios de óleo no ES

25/09/2014 21:37

Descobertas da estatal aconteceram em um bloco terrestre e em um bloco offshore

Antonio Pita, do
Sergio Moraes/Reuters
Petróleo sendo examinado na Petrobras

Petróleo sendo examinado na Petrobras: estatal descobriu novos indícios de petróleo no Espírito Santo

Rio - A Petrobras comunicou à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) a descoberta de novos indícios de petróleo no Espírito Santo.

As descobertas aconteceram em um bloco terrestre e em um bloco offshore e foram comunicadas nos dias 22 e 24 de setembro, segundo a agência reguladora.

Na área offshore, a descoberta foi no bloco registrado como ES-M-525. A Petrobras comunicou na quarta-feira, 24, a descoberta de indício de óleo a uma profundidade de 1.884 metros. A comunicação cita o poço 3BRSA1253DESS como alvo da descoberta.

Esta foi a terceira descoberta na área, que já teve indícios registrados nos poços 1-BRSA-939-ESS (Pé de Moleque) e 1-BRSA-936D-ESS (Quindim) e 1-BRSA-926D-ESS (Brigadeiro).

CLIQUE AQUI E TESTE SUA PLATAFORMA DE NEGOCIAÇÃO GRÁTIS.

A área conhecida como Parque dos Doces teve recentemente sua composição societária alterada, embora ainda aguarde aval da agência. Nesta semana, a Shell comunicou a venda de sua fatia de 20% no bloco para a empresa tailandesa PTTEP.

O consórcio também é formado pela empresa Inpex (15%).

A estatal tem 65% do consórcio, além de ser operadora da área. A previsão é que uma unidade de produção FPSO seja instalada no local a partir de 2018. A área foi arrematada na 6ª Rodada da ANP, em 2004.

O primeiro comunicado se referia à descoberta em terra, localizada no bloco ES-T-495, a partir da perfuração no poço 1BRSA1264ES. A área foi arrematada pela estatal no último ano, no leilão da 11ª Rodada da ANP.

A estatal é operadora única e esta é a primeira comunicação de descoberta no bloco.