Prejuízo das empresas de Eike mais que dobra em 2012

27/03/2013 11:35

Segundo dados da Economatica, no ano passado, companhias listadas em bolsa do empresário somaram perdas de R$ 2,5 bilhões

Size_80_daniela-barbosa
Daniela Barbosa, de
Gabriel Rinaldi/EXAME.com
Eike Batista no Rio de Janeiro

Eike Batista: empresas do grupo EBX somaram R$ 2,5 bilhões de prejuízo em 2012

São Paulo - Em 2012, Eike Batista perdeu o posto de homem mais rico do Brasil e suas empresas mais que dobraram o prejuízo no mesmo período. Segundo dados da Economatica, as perdas acumuladas das sete companhias listadas em bolsa do grupo EBX totalizaram 2,5 bilhões de reais, um ano antes, o prejuízo foi de 1 bilhão de reais.

 

Só a OGX, braço petrolífero da EBX, registrou prejuízo de 1,2 bilhão de reais - 135% maior na comparação com 2011. A companhia figura como a mais importante entre todas as empresas do bilionário. De acordo com a OGX, o resultado ruim se justifica por conta das despesas referentes a poços secos e áreas sub comerciais e variação cambial.

Veja, a seguir, os lucros/prejuízos das companhias do grupo EBX desde 2006, segundo a Economatica. Vale lembrar que a Portx fechou capital no ano passado e seu prejuízo de 2012 é referente aos seis primeiros meses do ano:
 

Ano CCX Portx LLX MMX MPX OGX OSX Grupo EBX
2006 0 0 0 R$ -92 milhões R$ -1,7 milhões 0 0 R$ -93,8 milhões
2007 0 0 R$ 160,8 milhões R$ 765,6 milhões R$ -104,1 milhões R$ -6,3 milhões 0 R$ 815,9 milhões
2008 0 0 R$ -52,9 milhões R$ -848 milhões R$ 204 milhões R$ 359,8 milhões 0 R$ -337 milhões
2009 0 0 R$ -48,7 milhões R$ -214,1 milhões R$ -147,3 milhões R$ 10,8 milhões R$ -33,3 milhões R$ -432,8 milhões
2010 0 R$ -25 milhões R$ -12,7 milhões R$ 45,5 milhões R$ -256,2 milhões R$ -123,4 milhões R$ -77 milhões R$ -447,9 milhões
2011 0 R$ -78,9 milhões R$ -39,3 milhões R$ -19,2 milhões R$ -408,5 milhões R$ -482,1 milhões R$ 7,5 milhões R$ -1 bilhão
2012 R$ -54,7 milhões R$ -35,9 milhões R$ -28,6 milhões R$ -792,3 milhões R$ -435,2 milhões R$ -1,2 bilhão R$ -26,3 milhões R$ -2,5 bilhões
                Fonte: Economatica