Santander diz que atingiu novas exigências de capital

09/01/2012 10:59

Brasil Econômico   (redacao@brasileconomico.com.br)
09/01/12 09:34

O banco prevê elevar seu nível de capital até 10% em junho

O banco prevê elevar seu nível de capital até 10% em junho

O Banco Santander anunciou que conseguiu alcançar os novos níveis mínimos de capital exigidos pelas autoridades europeias, seis meses antes do prazo concedido.

A exigência da Autoridade Bancária Europeia (EBA, na sigla em inglês) é que os bancos alcancem 9% em nível de capital de máxima liquidez (tier 1) até 30 de junho deste ano.

Segundo estimativas da EBA, o banco espanhol precisaria agregar € 15,302 bilhões a seu capital para cumprir a exigência. Em comunicado, o banco listou as vendas de ativos na América Latina e novas captações que levaram a cumprir o requerimento.

O Santander anunciou que fechou acordo, na primeira semana de 2012, para vender 4,41% do Santander Brasil para uma "entidade financeira internacional de primeira ordem".

O banco afirmou que, somando a essa operação as vendas de ativos no Chile, obteve € 4,89 bilhões.

A maior parte do capital, de € 6,829 bilhões, veio de um programa de títulos conversíveis em ações, que vencem em outubro de 2012. O banco captou ainda € 1,943 bilhão em troca de participações preferenciais por novas ações, e € 1,660 bilhão em aumento de capital.

O Santander anunciou que prevê elevar seu nível de capital para 10% até junho de 2012, e mantendo o pagamento de dividendos em € 0,60 por ação.